Novidades

No Mans Sky já se encontra pirateado

Um dos jogos mais esperados do ano já foi pirateado.

Quase três anos depois do inicio de desenvolvimento por 4 pessoas apenas, o jogo chegou finalmente às mão dos jogadores, acredita-se que é tão grande que é humanamente impossível visitar todos os planetas (o número de planetas é superior a 18 quintilhões).

O principal interesse No Man’s Sky está em explorar, dependendo apenas do vosso tempo. Podem ser atacados por naves hostis e sentinelas que vos incomodam enquanto exploram e recolhem os recursos dos planetas, mas olhando para o plano geral, são apenas uma pequena parte da experiência. A maior parte do tempo em No Man’s Sky é gasto a viajar para novos planetas e sistemas solares, e a recolher recursos. Tudo o que vocês fazem em No Man’s Sky gasta recursos: a nave precisa de combustível para levantar voo e viajar a grandes velocidades, e se quiserem saltar para outro sistema solar, têm que fabricar ou encontrar uma Célula Warp, que são pouco comuns e cujo processo de fabrico requer uma combinação de vários recursos.

No Man’s Sky também requer uma gestão constante do inventário, que é extremamente pequeno no início. É possível comprar uma nave maior para ter mais espaço e aumentar a capacidade de transporte do fato, mas isso implica gastar unidades (o dinheiro do jogo). Para obter unidades precisam de vender itens e recursos, e como no início têm pouco espaço, o progresso é extremamente lento. Como o objectivo do jogo é continuar a viajar, e isso implica ter recursos, No Man’s Sky acabar por cair num loop de repetição infinito. Visitam um planeta, recolhem os recursos mais valiosos, analisam as espécies de animais e vegetação para ganhar unidades extra, e depois vão embora para outro planeta para repetir o processo.

Fazendo uma pesquisa rápida encontram vários locais para testar. Não apoiamos o uso de crack, se gostaram apoiem quem fez o trabalho e comprem o jogo.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.